A menina do céu azul

A menina tinha um céu. Só dela e de mais ninguém. E ter um céu todo azul só dela fazia da menina uma pessoa única no mundo. Como únicas são as coisas que guardamos dentro dos nossos corações.
A menina do céu azul sorria à vontade porque era feliz. Ser única fazia dela uma pessoa diferente de todas as outras. Todo mundo queria ter um céu, mas só ela tinha, só ela era a dona de um céu azulado. E como seria para aquela menina ser a única a ter um céu azul? Acho que ela sentia cócegas nos pés, penso eu. Ser único no mundo parece coisa estranha.
A menina achava aquilo maravilhoso e se olhava no espelho cheia de contentamento por ser a única menina no mundo a ter um céu só dela.

Rosângela Trajano.

Exercícios para bom pensar.

1 – O que é ser único no mundo?

2 – Por que somos únicos às vezes?

3 – É importante ser único? Por quê?

4 – Por que ser único pode ser algo difícil?

5 – Onde somos únicos em dentro de nós?

Desenhe você sendo único no mundo de alguém ou de alguma coisa.

Sexto ano